7 de dezembro de 2020

O Colégio Farroupilha adotou um processo para conduzir casos suspeitos e confirmados de contágio por coronavírus. Todas as informações completas e os protocolos adotados pela escola encontram-se no Guia de Combate e Prevenção ao Coronavírus.

Como proceder em casos de suspeita de contágio?

Assim que iniciarem os sintomas, é importante que seja feito o isolamento preventivo do sintomático e dos seus familiares domiciliares e que o Ambulatório Escolar do Colégio seja avisado. Após isso, a orientação é que sejam feitos uma consulta médica e um teste RT-LAMP, RT-PCR ou antígeno. Abaixo, seguem os procedimentos que devem ser adotados, de acordo com o resultado da testagem:

– Diagnóstico negativo: será necessário apresentar o atestado médico e o resultado do exame ao Ambulatório Escolar, e as atividades presenciais retomadas.
– Diagnóstico positivo: será necessário informar ao Ambulatório para que os procedimentos sejam adotados.

Para as ocasiões em que houver sintomas, mas não for realizado o exame, será necessário entregar ao Ambulatório um atestado médico que alegue não haver presença de doença infectocontagiosa.

Como proceder em casos de contato domiciliar ou de risco*?

Além de comunicar o caso ao Ambulatório Escolar, aqueles que estiverem assintomáticos, mas residem com alguém que testou positivo, devem manter-se em quarentena de 14 dias desde o último contato com o positivado.

Em casos sintomáticos, será preciso realizar uma consulta médica e um teste RT-LAMP, RT-PCR ou antígeno. Ainda que o resultado seja negativo, será necessário manter o isolamento domiciliar de 14 dias. Se o diagnóstico for positivo, a quarentena deverá ser de 10 dias a partir da data da coleta.

* Contato domiciliar ou de risco – que moram na mesma residência ou que tenham tido contato com um caso positivo sem prevenção (sem máscara e sem distanciamento).

Como proceder em casos de resultado positivo:

Aqueles que testarem positivo para a COVID-19 deverão manter-se em isolamento domiciliar por dez dias corridos, a partir do início dos sintomas. Em consonância com os protocolos vigentes, com a constatação do contágio, precisarão ser testados todos os estudantes que fizerem parte da mesma turma do caso positivado e que estiveram em aula até dois dias antes do início dos sintomas.

Também farão o exame os educadores e estudantes que permaneceram por mais de uma hora com o grupo nesse período.

O retorno à modalidade presencial poderá ocorrer somente após o envio do resultado negativo ao Ambulatório Escolar. Caso a opção da família seja por não efetuar a testagem, o estudante permanecerá em quarentena e poderá voltar às atividades presenciais 14 dias corridos após o último contato com o caso positivado.

Como efetuar a testagem da turma?

A coleta deverá ser realizada cinco dias após o último contato com o caso positivado. Para a testagem sem custo, serão enviadas guias da Secretaria Municipal às famílias. Nesse caso, a previsão é que o resultado seja informado em até 48 horas após a coleta. Aqueles que preferirem poderão fazer o exame em outro local, desde que o resultado seja apresentado ao Ambulatório Escolar (serão aceitos RT-LAMP, RT-PCR e antígeno).

Caso algum outro estudante ou educador do grupo receba o diagnóstico positivo nessa rodada de testes, o seu período de quarentena deverá ser prorrogado por dez dias a partir da data do exame. Após isso, será possível retornar às atividades presenciais, desde que não haja presença de sintomas.

Se houver um terceiro positivado em até 14 dias corridos após o primeiro caso, todo o grupo precisará ser suspenso novamente para que, após cinco dias, seja feita uma nova rodada de testes.

Em caso de dúvidas, o Ambulatório está à disposição pelo e-mail ambulatorio@colegiofarroupilha.com.br ou telefone 3455.1825.