Profissionais avaliam projetos dos estudantes da GrowCube

22 de junho de 2022

No final da tarde de quarta-feira, 22 de junho, os estudantes que participam da GrowCube, a incubadora de negócios do Colégio, apresentaram os seus projetos para uma banca de avaliadores, composta por Paulo Gil, fundador do Triider, aplicativo para contratação de serviços domésticos gerais, e Gabriel Machado Xavier, ex-aluno do Colégio Farroupilha e um dos fundadores do Mobo, aplicativo com cupons de descontos em restaurates.

Os grupos tiveram 10 minutos para exporem os projetos. Após, os membros fizeram breves comentários de melhorias. Quatro grupos participaram da fase de pré-incubação, que tem como objetivo encorajar os estudantes que realmente queiram entrar na incubadora a participar da seleção de times. Nessa fase, os times recebem uma preparação para transformar suas ideias em negócios. É a fase de capacitação e desenvolvimento de ideias.

“Fun Fit Nutrition” é o nome da proposta apresentada pelos estudantes Pedro Pavinato, Ricardo Sessegolo, Lucas Almeida e Pedro Nunes, do 8º ano. O aplicativo tem como objetivo apoiar profissionais de nutrição no incentivo a uma alimentação saudável de crianças. Maria Clara Goulart e Gabriela Petzhold, também do 8º ano, desenvolveram o “Já Passei”, um aplicativo para ajudar os alunos nos estudos on-line, depois da pandemia. Já Arthur Lerch mostrou o objetivo do “Coleta”, um sistema de coleta de lixo eletrônico, através de parceiros. Matheus Gomez Lopes pensou no “Seu Colega”, um aplicativo para a troca de experiências, conteúdos e exercícios entre estudantes para facilitar a educação online.

Por fim, Alice Brose, Luisa Blotta e Pedro Rodrigues, do 9º ano, apresentaram o “Healthy Corner”, aplicativo para facilitar o atendimento de hospitais e clínicas. O grupo pertence à fase da incubação, que conta com mentores especializados nas necessidades dos times que desejam empreender. É a fase de desenvolvimento e qualificação dos projetos aprovados na etapa anterior.

A GrowCube é acompanhada pelos professores Rafael Louzada, de Matemática, e Roger Pereira, de Cultura de Inovação e responsável pelo Laboratório Maker, e conta com a parceria de Nelmar Vaccari e Rodrigo Valente.

“A GrowCube permite experiências marcantes. Empreender é buscar oportunidades para crescer e desenvolver. Não se acomodar, sempre buscar o aperfeiçoamento e modificar o mundo em que vivemos”, destacou Rodrigo Valente.

GrowCube no Colégio Farroupilha

Criada em 2017, a GrowCube tem como objetivo despertar o pensamento disruptivo nos estudantes, incentivando a solução de problemas cotidianos a partir do empreendedorismo, seja ele social, corporativo ou individual. Por meio da GrowCube, o Colégio Farroupilha e seus parceiros oferecem aos estudantes preparação em Marketing, Finanças, Operações, Jurídica e Negócios Digitais.

A proposta, que adota o modelo de uma incubadora de negócios, abrange desde o desenvolvimento das ideias até a transformação destas em empresas, e tem como diferencial o desenvolvimento do potencial empreendedor ainda na educação básica.