Crianças do Nível 4E observam as fibras de algodão da paineira

2 de outubro de 2019

As crianças do Nível 4E da Educação Infantil pesquisarão, no projeto “Guardiões da Natureza”, o que podem fazer para ajudá-la, além de estudar a importância de cada elemento, como as árvores, os animais, os ventos, as chuvas e o sol.

Na tarde de segunda-feira, 26 de agosto, o auxilio de ensino do Laboratório de Geografia, Thiago Dias Luerce, esteve com a turma na Minicidade e explicou as diferenças entre energia solar e eólica e falou sobre energias renováveis e a importância para o meio ambiente. As crianças aprenderam que podem armazenar a energia solar, enquanto que a energia eólica somente pode ser utilizada quando está sendo produzida.

Na sexta-feira, 30 de agosto, a turma foi até o pomar localizado no estacionamento do Colégio para explorar o espaço. As crianças pesquisaram a floração das bergamoteiras, sentiram o cheiro das folhas, observaram as carpas, os formigueiros, as pedras e as flores nascendo nos caules das árvores. Após as observações, elas realizaram algumas comparações entre as folhas, as árvores e as flores encontradas.

Na semana iniciada em 09 de setembro, as crianças visitaram o Laboratório de Biologia para aprender um pouco mais sobre as abelhas. Lá, descobriram que as abelhas são grandes guardiãs da natureza, pois são responsáveis por polinizar as plantas e árvores. Além de observá-las no microscópio, também puderam pegá-las na mão. Provaram o mel e pintaram uma colmeia grande feita de rolinhos de papel higiênico.

Na quarta-feira, 25 de setembro, a turma foi ao Laboratório de Química. Em suas casas, as crianças recolheram o óleo de cozinha que seria descartado e aprenderam a transformá-lo em sabão. Os pequenos descobriram o que são as reações químicas, observaram a mudança no estado do óleo, do líquido ao sólido, e sentiram a diferença no cheiro quando foi acrescentado uma essência ao óleo. A turma compreendeu que é possível reutilizar produtos que não seriam mais usados.

A quinta-feira, 26 de setembro, foi dia de ir até a Quinta da Estância, em Viamão. As crianças percorreram uma trilha, observaram diferentes espécies de árvores, pedras e folhas e tocaram na terra. A turma também aprendeu sobre a importância de cada animal para o meio ambiente e viu algumas espécies, como os tucanos e as araras.

Na terça-feira, 1º de outubro, as crianças participaram da atividade “Em busca da árvore de algodão”.  A turma conheceu, na sala de aula, uma árvore típica da região Sul, a paineira, e observou que, quando os frutos se abrem, contêm fibras de algodão. O próximo passo foi sair em busca da árvore pelos pátios do Jardim, que foi encontrada próximo ao Galpão. Os pequenos viram os flocos caindo, formando um tapete no chão, pegaram os pedaços dos frutos, tocaram nas fibras e no caule espinhoso. Além disso, a turma descobriu que, com as fibras, é possível produzir enchimento de colchões, travesseiros, brinquedos e coletes salva-vidas.